Espaço do Associado

Email:
Senha:



Associe-se e tenha vantagens!

Esqueci minha senha

Localizador Profissional

Nome:

Cidade:

Assinar Newsletter!

Notcias

Para as mulheres, limpar "pode representar um risco para a sade respiratria", concluiu um grupo de investigadores num estudo publicado no jornal da Sociedade Torxica Americana, depois de avaliar os pulmes de mais de 6.200 pessoas em duas ocasies separadas por 20 anos.
Aos participantes, foi perguntado se limpavam a sua casa ou se trabalhavam na rea na limpeza e se usavam produtos lquidos e sprays e com que frequncia.
A investigao, da Universidade de Bergen, na Noruega, permitiu descobrir que as mulheres que faziam limpezas, quer fosse uma vez por semana na sua prpria casa ou a nvel proSssioal, mostravam um declnio "acelerado" na capacidade pulmonar, comparvel ao consumo de 20 cigarros em 10 ou 20 anos. J nos pulmes dos participantes do sexo masculino no foi encontrado qualquer efeito do uso de produtos de limpeza.
Os autores sugerem que a reduo da capacidade pulmonar ocorre porque os qumicos usados na limpeza, como a lixvia ou o amonaco, irritam as membranas mucosas que "forram" as vias areas, o que, com o tempo, resulta em alteraes permanentes.
J para os homens parecerem no ser afetados, os investigadores acreditam que a explicao reside no facto de os seus pulmes serem menos suscetveis a esse impacto, uma vez que estudos anteriores mostraram que os pulmes dos homens so mais resistentes aos danos provocados por vrios agentes irritantes, incluindo o fumo de tabaco e p de madeira.
Produtos qumicos
Outra concluso inesperada deste novo estudo foi a ausncia de diferena signiScativa entre o uso de lquidos e de pulverizadores, sendo que os investigadores contavam que estes ltimos tivessem um maior impacto na sade pulmonar.
"Enquanto os efeitos a curto prazo dos qumicos de limpeza na asma esto cada vez mais documentados, falta-nos conhecimento sobre o impacto a longo prazo", aSrma Cecile Svanes, da Universidade de Bergen. "Recemos que esses qumicos, ao daniScarem um pouco as vias respiratrias, dia aps dia, ano aps ano, pudessem acelerar a taxa de declnio da funo pulmonar que ocorre com a idade."
Os participantes neste estudo, que teve por base o Inqurito de Sade Respiratria da Comunidade Europeia, tinham uma mdia de 34 anos quando comearam a sua participao na investigao, que terminou mais de 20 anos depois.
Entre os inquiridos, mais de 1500 homens responderam nunca limpar a casa, uma resposta comum a 197 mulheres. Dos que limpavam, 1363 eram homens, contra 2808 mulheres. A nvel proSssional, encontraram-se 57 homens e 293 mulheres.
"Quando se pensa na inalao de pequenas partculas de agentes de limpeza destinados a limpar o cho e no os pulmes, talvez no seja surpreedente" o impacto destes produtos, concluiu Oisten Svanes, co-autor do estudo.

Fonte: Dirio do Nordeste  

Voltar